Juventude

UNESP ARARAQUARA

Vitória da chapa Ekoábok nas eleições do Centro Acadêmico de Ciências Sociais “Florestan Fernandes†!

03 Dec 2009   |   comentários

Em Araraquara conquistamos essa importante vitória na perspectiva de reconstruir o Centro Acadêmico de Ciências Sociais e desafios que temos e que virão no próximo período. Nós do Movimento A Plenos Pulmões e do grupo de mulheres Pão e Rosas junto a estudantes independentes participamos destas eleições buscando discutir e chegar àbase dos estudantes, e também romper o isolamento do movimento estudantil local, a exemplo de como havíamos atuado durante a luta contra o assédio sexual na moradia estudantil, buscando apoio entre todos os estudantes. Em uma chapa composta por jovens estudantes, sendo sua grande maioria dos primeiros anos, que desde já se contrapõe ao velho sindicalismo habitual do movimento estudantil, tem uma grande gana de mudança (Ekoábok, em Tupi!), na busca por um diálogo e integração com a base dos estudantes de forma a colocar um programa pela positiva que responda as reais demandas de nosso curso e da crise das universidades, expressa seja pela implementação do PDI e da Univesp na UNESP ou pela eleição de Rodas na USP.

Nessa perspectiva trabalhamos com o material da chapa, assim como nossos próprios materiais, durante a eleição que teve a adesão de uma ampla camada de estudantes, com uma representação real de mais de 40% de quorum com 147 votos para nossa chapa e apenas 38 contrários. O que aponta para uma nova fase do movimento estudantil de Araraquara, numa perspectiva de retomada das lutas, como da greve e ocupação de 2007. Nesse processo nós da A Plenos Pulmões e do Pão e Rosas lutaremos com todas as nossas forças para que o CAFF seja um pólo potencializador das lutas na perspectiva da construção de um forte movimento estadual que responda com um só punho junto aos trabalhadores, os ataques dos governos Serra e Lula, na luta pela estatização das universidades privadas e do fim do vestibular! Um centro acadêmico, portanto, militante, que contribua para organizar os estudantes desde a base, na busca por uma aliança real com os trabalhadores do campo e da cidade, em defesa dos lutadores e lutadoras que vêm sendo perseguidos, e como uma entidade que estará a serviço de se levantar pela juventude, pelas mulheres e pelos trabalhadores de todos os países do mundo quando forem oprimidos e atacados! Chamamos todos os estudantes da UNESP de Araraquara a lutar ao nosso lado por esta perspectiva.

Laís Tsuki e Luis Santos são estudantes de Ciências Sociais da UNESP de Araraquara.

Artigos relacionados: Juventude









  • Não há comentários para este artigo