Palavra Operária nº078

CONTATO ler-qi@palavraoperaria.org

NACIONAL

SÃO PAULO

Haddad na USP: demagogia sobre a privatização e precarização da educação pública

No dia 14/9, Fernando Haddad, o ministro da educação de Dilma, esteve na USP para discutir a educação pública. Em meio à crise política do governo federal, dos escândalos de corrupção, Haddad faz propaganda do governo, e também prepara sua candidatura à eleição para a prefeitura de São Paulo em 2012.

RIO DE JANEIRO

Corrupção e violência começam a mostrar a verdadeira cara das UPPs e do exército no Alemão

Por: Leandro Ventura A cada dia das últimas duas semanas emergiu uma nova denúncia, um novo confronto, um novo questionamento à política repressiva de Dilma e Cabral no Rio de Janeiro. Primeiro a denúncia de violência do exército no Alemão e de sua repressão à manifestação dos moradores onde escreviam em seus cartazes “O povo do Alemão é humilhado pelo Exército. Sai o Comando Vermelho, entra o Comando Verde†. Depois manifestação na Cidade de Deus, tiroteios em diversas favelas e agora o afastamento do comandante das UPPs (...)

OCUPAÇÕES E GREVES PELO PAà S

O Movimento Estudantil desperta novamente!

Por: Ana Carolina Oliveira Nas ultimas semanas milhares de estudantes saíram em luta contra a precarização da educação em uma serie de ocupações de reitorias e greves nas universidades federais e algumas estaduais, relembrando a onda de ocupações de reitorias pelo país

EM MUITAS CIDADES DO PAà S LUTAS ECONÔMICAS DE TRABALHADORES E DA JUVENTUDE:

Superar a fragmentação e o corporativismo para vencer

Por: Leandro Ventura O crescimento de empregos no período Lula e, agora Dilma, esteve baseado sobretudo em empregos precários, terceirizados, e em intensa rotatividade do trabalho. As recorrentes greves da construção civil em todo país, agora com imensos atos em Belém e as repetidas greves em obras do PAC e Olimpíadas (Mineirão e Maracanã, por exemplo) constituem, apesar das direções – em sua maioria pelegas ou governistas –, um clarão para o debate do que é este pilar do modelo lulista: o trabalho (...)

28 DE SETEMBRO - DIA LATINO-AMERICANO E CARIBENHO PELO DIREITO AO ABORTO

Até quando decidirão por nós? Aborto legal, livre, seguro e gratuito!

Por: Rita Frau Faz quase um ano que Dilma foi eleita a primeira mulher presidenta do Brasil com o discurso de que sua vitória representaria a transformação na vida das mulheres brasileiras, mas desde as eleições, vimos os direitos democráticos das mulheres serem trocados por votos retrocedendo a luta pelo direito ao aborto.

INTERNACIONAL

INTERNACIONAL

A primavera árabe aflora as contradições entre o imperialismo ianque, Egito e Israel

Por: André Augusto Uma das maiores preocupações dos EUA após a derrubada do ex-ditador egípcio Hosni Mubarak consistia no destino indeterminado das relações entre o Egito e o Estado de Israel, aliados desde 1979. As contradições entre os dois Estados, vieram à tona com força redobrada com os acontecimentos da última semana, quando milhares de egípcios assaltaram a embaixada israelense no Cairo, derrubando o muro que a protegia e entraram no (...)

CHILE

A herança da ditadura pinochetista

Em de 11 de setembro foi aniversário do sangrento golpe do general Pinochet que passou à história como um modelo de contra-revolução. Foi um golpe sangrento, organizado pela burguesia chilena e o imperialismo para derrotar o processo revolucionário.

CHILE

A Marcha do dia 11: O velho e o novo

Por: Nicolás Miranda, do Partido de Trabajadores Revolucionarios - Clase Contra Clase (Chile) A marcha do dia 11 de setembro em comemoração contra o golpe mobilizou cerca de 10.000 pessoas. Como se fosse um ano a mais. Mas não o é: é o ano da luta contra a herança da ditadura aprofundada primeiro pela Concertación e agora pela direita, em especial na educação e o negócio em benefício dos empresários que a transformaram.

NOTÃ CIAS DIRETO DO CHILE

A juventude chilena desperta energias para derrubar a educação e o regime pinochetista

Por: por Marcelo Torres, dirigente da LER-QI diretamente de Santiago do Chile O espírito que a juventude chilena expressa em cada olhar atento, cada ocupação, cada assembleia, cada marcha de milhares, cada enfrentamento com a polícia, carrega a profundidade que conecta a América Latina com os processos intensos de luta de classes que estão se dando em todo o mundo.

FRENTE A QUEDA DE KADAFI NA LÃ BIA

É preciso superar a confusão estratégica da esquerda

Por: Simone Ishibashi A quase um mês da derrubada do ditador líbio, Muamar Kadafi, resultante das operações levadas adiante pelas forças da OTAN e pelos rebeldes chefiados pelo Conselho Nacional de Transição, abre-se um cenário que aponta a resultados extremamente contraditórios. Seguem os ataques de forças leais a Kadafi, como a ocorrida numa refinaria de petróleo perto da cidade Ras Lanuf em 12/09. Ainda que a queda de Kadafi seja um fato, esta situação demonstra as tensões existentes, que podem levar até mesmo a (...)

MOVIMENTO OPERÃ RIO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

Combater o PROADE!

No melhor estilo empresarial a Reitoria da USP mudou sua tática para impor o projeto privatista do governo e da burocracia acadêmica. Através de um Plano de Carreira para os trabalhadores que instituiu reajustes salariais diferenciados permitindo dividir e enfraquecer a luta conjunta dos trabalhadores avançou para impor medidas como o PROADE (Programa de Acompanhamento de Desenvolvimento Funcional). Leia também: A POSIÇÃO DOS REVOLUCIONà RIOS SOBRE OS “PLANOS DE (...)

METRÔ/SP

Privatização é a grande negociata do governo Alckmin para entregar bilhões às grandes empreiteiras

Por: Gabriel Amorim A privatização, então, cumpre um duplo objetivo para a burguesia. Garante novos nichos de valorização para o capital e tem o importante papel político de dividir e fracionar a classe trabalhadora.

GREVE DE PROFESSORES - MG

Todo apoio àgreve dos professores da rede estadual de Minas Gerais!

Por: LER-QI Belo Horizonte A greve dos professores da rede estadual de Minas Gerais entra em seus quarto mês com a categoria lutando contra o miserável piso salarial do governo tucano de Anastasia que impõe aos professores do estado o pior piso salarial do país, de 367 reais. Enquanto uma camada importante de professores expressam a contínua disposição de luta, o governo impõe o corte de pontos pelo segundo mês consecutivo assim como tenta impor por via de seu advogado no estado, o Ministério Público, a ilegalidade da (...)

MOVIMENTO OPERÃ RIO

A posição dos revolucionários sobre os “planos de carreiraâ€

Por: Marcelo (Pablito) Santos, diretor do Sintusp E é neste contexto que os chamados Planos de Carreira tornam-se uma ferramenta extremamente eficaz para os patrões. Neste caso o aumento da produtividade é obtido através do atrelamento dos reajustes salariais à s avaliações de desempenho e de produtividade individuais, ou seja, travestindo um ataque à s condições de trabalho do conjunto dos trabalhadores através de pequenas “concessões†para alguns trabalhadores. Leia também: COMBATER O (...)

TODO APOIO À GREVE DOS CORREIOS

Uma luta dura que precisa de apoio ativo para enfrentar o governo Dilma e as direções sindicais burocráticas

Por: Marília Rocha Mais uma vez os trabalhadores dos Correios levantaram sua cabeça e declararam greve no dia 14 de setembro. Eles reivindicam aumento real de R$ 400,00, reposição da inflação e pagamentos das perdas salariais de 1994-2010, totalizando 24,76%, a um piso salarial de R$ 1.635,00. Nada mais justo para uma categoria que trabalha em condições precárias, mesmo assim presta um serviço de alta qualidade à população e ao sistema de comunicações do país, ganhando um salário que não chega nem perto do (...)

JUVENTUDE

AVANTE JUVENTUDE CHILENA!

Saiu o boletim da Juventude às Ruas!

Para ler o boletim na íntegra CLIQUE AQUI

TEORIA

Juventude da LER-QI no Colóquio Marx e marxismos na USP

Por: Leandro Souza Entre os dias 12 e 17 de setembro acontece na FFLCH-USP o colóquio Marx e marxismos. Saudamos essa iniciativa, valorizando a oportunidade de debater o marxismo na universidade, onde ele foi sendo marginalizado ao longo das últimas décadas de ofensiva ideológica burguesa.

VI FÓRUM E I ENCONTRO NACIONAL ESTADO, CAPITAL, TRABALHO DA UFS

Debate sobre a crise capitalista e as tarefas postas pela luta de classes internacional

Entre os dias 29 e 31 de agosto de 2011 aconteceu na Universidade Federal de Sergipe o VI Fórum e I Encontro Nacional Estado, Capital, Trabalho promovido pelo Grupo de Pesquisa Estado, Capital, Trabalho e as Políticas de Re-ordenamento Territoriais. O tema que norteou debates foi “A geopolítica imperialista dos Estados/Nações e a política de ocupação de terras/territórios†. A jornada de discussão se iniciou com uma mesa integrada pela Profa Virginia Fontes da UFF e Alexandrina Luz da UFS, que (...)

CULTURA

ENTREVISTA COM OS DIRETORES DO FILME TRABALHAR CANSA

“Buscamos retratar a crueldade velada que existe na mentalidade empresarialâ€

Com o filme "Trabalhar Cansa" Juliana Rojas e Marco Dutra apresentam seu primeiro longa. Os dois jovens, que iniciaram a carreira a partir do curso de Cinema da USP, filmam de forma ácida as relações de trabalho e as mudanças das relações familiares quando Helena, personagem principal, passa de "mãe e esposa" à "chefe de família e patroa". O Jornal Palavra Operária entrevistou os diretores do (...)