Palavra Operária Nº095

CONTATO ler-qi@palavraoperaria.org

Nacional

EDITORIAL

Unir a juventude e os trabalhadores no próximo dia 30

Por: Francisco Pontes As jornadas de junho iniciaram um novo momento em nosso país. Um momento em que milhões de jovens e trabalhadores, que seguiam a vida com empregos precários, endividando-se para ter as coisas, passando horas nos ônibus lotados ou nas filas dos hospitais depois de algum acidente de trabalho, resolveram dizer basta.

PARALISAÇÃO NACIONAL 30/8

Lutemos para que o dia 30 seja um dia de grandes paralisações!

Por: Marcelo Tupinambá A entrada em cena da classe operária permite hoje que muitos trabalhadores passem a discutir alternativas a tantos casos de corrupção, de acidentes de trabalho, horas extra, repressão policial, entre tantos outros temas que atingem a vida da maior parte da população.

Questão da mulher

PÃO E ROSAS

200 mulheres se reúnem na plenária nacional do grupo de mulheres Pão e Rosas

Por: Rita Frau , Virginia Guitzel No dia 10 de Agosto, 200 mulheres decidiram os primeiros passos para a construção de um forte movimento de mulheres que possa atropelar a burocracia sindical e acadêmica, derrotar os patrões e os governos para conquistar nossos direitos.

Juventude

JUVENTUDE

O movimento nas universidades estaduais paulistas e a nova situação nacional

Por: André Bof , Fernanda Montagner É preciso rearmar o movimento estudantil, colocá-lo em consonância com a nova situação política nacional, para que responda aos anseios da juventude como um todo em aliança com os trabalhadores por nossas demandas.

JUVENTUDE

As tarefas do movimento estudantil da UNESP

Por: Clis, UNESP Marília Os estudantes da UNESP atuaram exemplarmente construindo greves e ocupações durante três meses, questionando a atual universidade que serve aos interesses da iniciativa privada.

Ideologia

OCUPAÇÃO DA CÂMARA DE SP 14/8

Novamente sobre métodos e estratégia no movimento

Por: Edison Salles Como parte dos novos tempos que se abriram no país, um novo clima de debates também se instaurou na esquerda e entre os ativistas. São várias as discussões no movimento, e grande parte delas versam sobre a questão dos métodos e dos objetivos – nas ações práticas e para o movimento como um todo –, e isso é realmente alentador!

Internacional