Palavra Operária Nº 056

CONTATO ler-qi@palavraoperaria.org

Nacional

RIO DE JANEIRO

Os muros da burguesia e governo carioca novo cerco e repressão aos trabalhadores

Por: Leandro Ventura, direto do Rio de Janeiro A burguesia e seus governos no Rio de Janeiro estão descarregando uma odiosa ofensiva contra os trabalhadores, particularmente os mais pobres que vivem em favelas, e a outros setores populares como camelôs e moradores de ocupações urbanas e ruas.

NOVO MASSACRE ARMADO NA REGIÃO DE CARAJà S, PARÃ

Pela defesa incondicional do MST

Treze anos depois na mesma região de Carajás um novo massacre foi armado contra os camponeses sem terra do MST.

O CASO DANIEL DANTAS

Um exemplo de como funciona a democracia dos ricos no Brasil

Por: Thiago Flamé "Os laços do PSDB com o PT são tantos que, quando fomos perguntar aos ministros quem gostaria de vir, quase não teve lugar no avião" Declaração de Lula ao governador Aécio Neves por ocasião do velório de Ruth Cardoso, esposa de FHC.

REDUÇÃO DE JUROS, PROGRAMA DE UMA FRAÇÃO BURGUESA, É ASSUMIDO PELAS CENTRAIS SINDICAIS

O trabalhadores só têm a perder seguindo os patrões

Por: Val Lisboa Os empresários incutem a falsa idéia de que reduzindo os juros a economia se reativará, as empresas produzirão mais e, assim, os empregos estarão garantidos. Conversa para boi dormir! O que eles buscam é ser “mais competitivo†, ou seja, concorrer em melhores condições (dinheiro barato) para aproveitar a crise. Se os juros mais baixos favorecessem a produção e o nível de emprego não estaríamos convivendo com milhares de demissões todos os meses, férias coletivas e (...)

Movimento Operário

4.270 DEMISSÕES NA EMBRAER

Uma derrota produto de uma luta não dada

Por: Val Lisboa Em março passado, no número 54 do jornal Palavra Operária, escrevemos um artigo que pretendia dialogar com a direção e os sindicalistas do PSTU-Conlutas em São José dos Campos, diante da gravidade das 4.270 demissões na Embraer.

RIO DE JANEIRO

Disposição de luta nos transportes

Em meio a greve dos ferroviários veio a tona nacionalmente como são tratados os trabalhadores no sistema de transporte público do Rio de Janeiro.

QUE OS CAPITALISTAS PAGUEM PELA SUA CRISE

Todos em defesa do instrumento de luta dos trabalhadores

Com a crise econômica se agravando, a patronal intensifica os ataques a nós trabalhadores.

REPRESSÃO NA USP

Souto Maior e Mariano Pedrero em defesa do Sintusp e pela readmissão de Brandão

Por: Daniel Matos No dia 03/04 ocorreu na USP o debate “Os atentados contra os trabalhadores em tempos de crise†, como parte da campanha hoje em curso em defesa do Sintusp e pela readmissão de Claudionor Brandão.

CONTRA A BUROCRACIA SINDICAL, O GOVERNO E OS PATRÕES

Por um 1º de maio classista e internacionalista!

Chamamos a todos para junto conosco travar essa luta política na preparação e no próprio 1º de maio, participando do nosso bloco que irá levantar um programa para que os capitalistas paguem pela crise, ligado a uma forte denúncia da burocracia sindical.

Juventude

BASTA! A JUVENTUDE NÃO VAI PAGAR PELA CRISE!

Um chamado àjuventude trabalhadora

Por: Maíra Viscaya Não podemos cair no discurso do governo de que a crise é passageira nem nos disciplinar pelas centrais sindicais governistas que só sabem negociar com os patrões as nossas demissões. Confiemos somente nas nossas forças!

ESTUDANTES

Levantemos nossas demandas junto aos trabalhadores nesse 1º de maio!

Precisamos retomar os grandes momentos históricos em que o movimento estudantil se colocou ao lado dos trabalhadores, como começa a fazer na Europa para que os capitalistas paguem pela crise.

UNIVERSIDADE

O movimento estudantil da USP de volta àcena?

O Jornal Palavra Operária foi até a ocupação do espaço do DCE da USP, que ocorreu no dia 23/04, para entrevistar Flávia Vale, estudante de ciências sociais e militante da LER-QI.

Ato unificado marca um importante passo na luta contra o elitismo, a precarização e a repressão na UNESP!

Fortalecer a mobilização rumo ao Encontro Estadual de Estudantes!

Por: Rafael dos Santos Foi no marco dessa importante mobilização que começa a ocorrer em vários campus, que no último dia 16 houve um ato unificado em defesa dos companheiros de Prudente, que ocupavam a diretoria local naquele momento, pela permanência estudantil plena, contra o PDI e a Univesp e contra a repressão

PUC-SP

Chapa ABAPORU: Por um CACS militante e combativo!

Nos dias 12, 13 e 14 de maio acontecerão na PUC-SP as eleições para o Centro Acadêmico de Ciências Sociais. Nós da LER-QI junto com vários estudantes independentes impulsionamos a chapa ABAPORU, pois somos contra esse projeto da Igreja e questionamos a atual Universidade de hoje.

JUVENTUDE

1º de maio é dia de luta para a juventude trabalhadora

Nesse 1º de Maio a juventude tem que mostrar sua força e combatividade. De uma vez por todas temos que colocar nossas demandas na pauta do dia!

II HIP HOP OCUPA USP

Pela readmissão do Brandão!

No dia 17/04, em São Paulo, o prédio de História da USP foi cenário de um ato político em forma de festival cultural: o II Hip Hop Ocupa USP. Com apoio do Sintusp, DCE USP, CEUPES e Pão e Rosas, organizado pela LER-QI, Movimento A Plenos Pulmões e Pílula Preta, a atividade trouxe como temas: Contra as demissões no país; Contra a repressão na USP; pela readmissão do Brandão.

Teoria

DEBATE

O pensamento de Caio Prado Júnior

Por: Daniel Alfonso No dia 31 de março foi realizado o debate O PENSAMENTO DE CAIO PRADO JÚNIOR, como atividade de lançamento da revista Iskra na Universidade de São Paulo. O debate contou com a presença dos professores da USP Lincoln Secco, Bernardo Ricupero e Rodrigo Ricupero, além de Daniel A. Alfonso, editor da Revista Iskra. Foi uma importante oportunidade para refletir sobre o pensamento de Caio Prado Jr, integrante do PCB e um dos mais importantes intelectuais brasileiros a se inspirarem no (...)

DEBATE

Seminário discute atualidade do Programa de Transição frente àcrise

Por: Edison Salles Entre os dias 19, 20 e 21 de abril, mais de trinta companheiros entre dirigentes e quadros da LER-QI reuniram-se na sede do SINTUSP para debater em profundidade o significado do Programa de Transição, escrito por Leon Trotsky em 1938, e sua renovada atualidade diante da crise atual. No espaço que segue sintetizaremos alguns dos aspectos centrais debatidos nessas importantes (...)

Internacional

PARTIDO

Primeira Conferência Européia da FT-QI

Entre os dias 11 e 13 de abril de 2009 se realizou nas proximidades de Paris a I Conferência da Fração Trotskista – Quarta Internacional. Participaram delegados do Clase contra Clase do Estado Espanhol, Internationaler Klassenkampf da Alemanha, membros da FT-QI que militam no Colletivo Comunista da Via Efeso de Roma e membros do ex-grupo CRI, e convidados e simpatizantes da tendência Claire do NPA na (...)

CÚPULA DAS AMÉRICAS

Entre a crise e a submissão

Por: Eduardo Molina ...nada bom pode vir desta aplaudida “nova era de relacionamento entre os EUA e a América Latina†para os trabalhadores e povos da região que enfrentam a perspectiva de um salto na crise, nos ataques capitalistas e no saque imperialista

Mulher

MULHER

Pão e Rosas: seguir a luta neste 1º de maio!

Por: Diana Assunção , Mara Onijá Coloquemos de pé uma forte coluna do Pão e Rosas, demonstrando que o 1º de maio não é um dia de festa, e que nós mulheres não viemos comemorar. Viemos lutar pelos direitos das mulheres.

ENTREVISTA

“Na América Latina, a criminalização do aborto condena milhares de mulheres àmorteâ€

Entrevistamos Diana Assunção, dirigente da LER-QI e integrante do grupo de mulheres Pão e Rosas, sobre os últimos casos no Brasil que envolveram a Igreja, médicos e meninas estupradas, e sobre a Campanha Latino-Americana: Basta de mortes por abortos clandestinos!