Movimento Operário

Neste domingo! Vídeo-conferência com Raul Godoy - Operário da Fábrica sem Patrões/Zanon e deputado eleito da FIT (Frente de Esquerda dos Trabalhadores) sobre a Conferência Nacional de Trabalhadores convocada pelo PTS (Argentina)

25 Jul 2012   |   comentários

“Por Sindicatos sem burocratas e um Partido de Trabalhadores sem Patrões†“Que os capitalistas paguem pela crise!†Vídeo-conferência com Raul Godoy- Operário da Fábrica sem Patrões/Zanon e deputado eleito da FIT (Frente de Esquerda dos Trabalhadores) Domingo (29/07) as 16hs na Casa Socialista - em frente ao Metrô Vila Madalena.

Atividade sobre a Conferência Nacional de Trabalhadores convocada pelo PTS (organização irmã da LER-QI na Argentina):

“Por Sindicatos sem burocratas e um Partido de Trabalhadores sem Patrõesâ€

“Que os capitalistas paguem pela crise!â€

Vídeo-conferência com Raul Godoy- Operário da Fábrica sem Patrões/Zanon e deputado eleito da FIT (Frente de Esquerda dos Trabalhadores)

- Domingo (29/07) as 16hs na Casa Socialista
(Em frente ao Metro Vila Madalena)

No último dia 06/07, no Estádio Coberto de Ferro em Buenos Aires, mais de 4000 pessoas foram participar da Conferência Nacional de Trabalhadores convocada pelo PTS (Partido dos Trabalhadores Socialistas- organização irmã da LER-QI na Argentina). A conferência marcou um importante avanço da esquerda classista desde o processo conhecido como sindicalismo de base, que representou uma alternativa de independência política dos trabalhadores, sob a bandeira de unidade das fileiras operárias (efetivos e precarizados), em combate ao governo Kichneirista e toda a burocracia sindical.

Em meio a um novo momento histórico marcado pelo desenvolvimento da crise capitalista, que atualmente no Brasil já se expressa com a ameaça de 2 mil demissões da Direção da Multinacional GM em São José dos Campos, uma alternativa como essa é um exemplo de como os trabalhadores devem se organizar, através de suas próprias forças e com seus próprios instrumentos, para lutar contra os ataques que a burguesia quer impor para descarregar a crise nas suas costas.

Chamamos toda a juventude e os trabalhadores aqui no Brasil para conhecer esse importante processo, assim como refletir e debater a construção de uma alternativa revolucionária, baseada na ação da classe operária e sua força social capaz de derrotar o capitalistas e construir uma nova sociedade sem exploradores e sem explorados.

Artigos relacionados: Movimento Operário , Internacional









  • Não há comentários para este artigo