Movimento Operário

RIO DE JANEIRO

Greve dos garis responde a provocação da prefeitura

13 Mar 2015   |   comentários

Os garis do Rio estão em greve depois da provocação da prefeitura em dar aumento menor que a inflação. A prefeitura já conseguiu liminar militarizando as gerências e buscando cercear o direito de greve.

Os garis do Rio de Janeiro votaram ontem, dia 12, greve por tempo indeterminado a partir de hoje. Sua greve é motivada pela absurda provocação da prefeitura de Eduardo Paes (PMDB) e da direção da COMLURB, que ofereceram um aumento salarial de somente 3% a esta categoria. Este aumento não alcança nem metade do índice oficial da inflação. Descumpre até mesmo leis que determinam a reposição da inflação.

Mal começava a greve hoje e a prefeitura já havia obtido uma liminar no Tribunal Regional do Trabalho determinando o imediato retorno ao trabalho e uma multa de 100 mil reais por dia ao sindicato que representa oficialmente a categoria. Junto a estas medidas a prefeitura e sua estatal de limpeza e conservação urbana (COMLURB) conseguiram a absurda autorização judicial para que seja solicitada a presença policial para escoltar os trabalhadores a trabalhar. Trata-se de um ataque ao direito de greve.

Esta medida já foi tomada pela mesma prefeitura na greve dos garis do ano passado, quando não havia autorização judicial imaginemos o que a prefeitura pretende fazer este ano. A rapidez da justiça e da prefeitura mostram sua disposição a enfrentar duramente os trabalhadores este ano e para isto querem cercear seu direito de greve, com intimidação não só pela via dos gerentes mas também pelas forças policiais.

Neste momento (12hs) os trabalhadores estão reunidos em frente a seu sindicato discutindo medidas a tomar em continuidade a sua luta. Convocam um ato-assembléia para hoje as 15horas na Candelária.


Todo apoio àgreve dos Garis!
Fora Polícia e Guarda Municipal das gerências da Comlurb!
Pelo direito de greve!

Artigos relacionados: Movimento Operário , Rio de Janeiro









  • Não há comentários para este artigo