Eleições 2014

ATO 1º DE NOVEMBRO

Como combater a direita?

12 Nov 2014 | Quem viu os vídeos do ato na Avenida Paulista no dia 1 de novembro não pode mais que se indignar com essa direita reacionária que coloca a cabeça para fora defendendo a volta da ditadura. Vê-se o deputado federal recém eleito Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) ao microfone do carro de (...)

6 motivos para que a desilusão com o PT não fortaleça o PSDB

03 Nov 2014 | É impossível negar que um setor de trabalhadores e jovens, ainda que minoritário, desaguou seu descontentamento com o PT num voto em Aécio. Como fazer para que as frustrações com o governo do PT não terminem em uma recomposição da velha direita encarnada no (...)

Brasil e Argentina em seu fim de ciclo econômico

02 Nov 2014 | A vitória de Dilma Rousseff no Brasil por estreita margem de diferença expressa, entre outras coisas, os problemas econômicos a serem enfrentados pela América Latina após uma década de crescimento a taxas elevadas. Com relação as mudanças estruturais, o saldo foi muito (...)

NOVO GOVERNO

Dilma: uma primeira tentativa de maquiagem frustrada

01 Nov 2014 | Dilma começou o novo governo tentando largar uma ofensiva de reforma política para responder aos questionamentos de corrupção na Petrobrás e desviar o foco da agenda de ajustes na economia que já começou a ser implementada em ritmo acelerado. Mas até mesmo a tímida é duvidosa (...)

Os ventos da crise global e o fim das ilusões no falso progressismo petista

30 Oct 2014 | Para ativar a militância em defesa de Dilma na reta final do segundo turno, foram alentadas e exacerbadas as ilusões numa continuidade melhorada do gradualismo lulista. Entretanto, as primeiras sinalizações da presidente e ainda mais o decorrer das medidas que será obrigada a (...)

O choque entre as expectativas e a agenda de ajustes

30 Oct 2014 | Por um lado, para associar a Aécio a imagem de uma direita reacionária, o PT teve que exageram em promessas demagógicas. Por outro lado, ao alimentar ilusões, o novo governo potencializa a frustração que existirá quando atender à s exigências do empresariado de implementar uma (...)

Eleições em Brasília

Derrota das velhas oligarquias locais ou mais do mesmo?

29 Oct 2014 | O novo governador dito “moderno†e “terceira via†na verdade é mais do mesmo em termos de que apenas ganhou por ter se aliado à velha oligarquia política local. Só governará através da mais fisiológica composição política com ela. De “novo†, portanto, ele só tem a (...)

Silvana fala sobre onda de preconceito contra nordestinos nas redes sociais

29 Oct 2014 | "Se enganam aqueles que acreditam que Dilma representa os nordestinos. O PT governa para a mesma elite racista e discriminadora que os tucanos representam. É por isso que eu votei nulo e defendo que os trabalhadores se organizem de forma independente dos governos e dos (...)

Dilma ganha em Minas Gerais, mas PT mantem desgaste na capital e regiões operárias

29 Oct 2014 | Apesar da evidente derrota da direita do PSDB, depois de 12 anos de ataques aos trabalhadores e escândalos de corrupção no estado, não é possível afirmar, como faz a análise petista, que o PT angariou apenas vitórias em Minas Gerais. Os votos na capital e nas principais regiões (...)

O que expressa o resultado eleitoral?

29 Oct 2014 | Por que o PT saiu debilitado? Por que o PSDB se fortaleceu? Como se expressou nas eleições a separação entre representantes e representados que vem atravessando o país desde as jornadas de junho de 2013? É necessário responder a essas perguntas para compreender o que o resultado (...)

Apesar da vitória de Dilma, PT é derrotado nos principais polos industriais do país

27 Oct 2014 | A derrota de Dilma e do PT em importantes centros industriais do país, que já havia ocorrido no 1º turno, se repetiram no 2º turno. Mais que um questionamento momentâneo, vimos uma perda de hegemonia do PT em seus históricos bastiões operários, algo mais (...)

Sobre o discurso de Dilma Rousseff diante da reeleição

27 Oct 2014 | Depois de uma campanha incisiva contra “o candidato dos retrocessos†e a ameaça de uma “onda conservadora†no país, muitos petistas ou eleitores, influenciados pelo clima de polarização, esperavam um discurso em defesa dos direitos sociais, dos trabalhadores e das minorias (...)

Dilma defende “diálogo†com o que até ontem era o “retrocessoâ€

27 Oct 2014 | Em seu primeiro discurso depois de reeleita, Dilma se dedicou especialmente a chamar a unidade e o diálogo com o PSDB. Até ontem, os petistas andavam alucinados dizendo que com um eventual triunfo de Aécio Neves viria um golpe de (...)

A grande debilidade do governador eleito no Rio de Janeiro

27 Oct 2014 | Dilma vence dependendo mais fortemente de sua expressiva votação em cidades e bairros operários e populares. No governo do estado, Pezão (PMDB), herdeiro de Cabral, é reeleito tendo menos votos que as abstenções, votos nulos e brancos. A debilidade de sua vitória é uma clara (...)

Dilma ganha, mas governo sai enfraquecido

27 Oct 2014 | Apesar do triunfo, o PT sai mais enfraquecido em relação à s três eleições anteriores, principalmente levando em conta que governará um país que passou pelas manifestações de junho de 2013 e vive uma acelerada deterioração da (...)

Rita Frau comenta propostas de Dillma para o combate àviolência contra as mulheres

26 Oct 2014 | Na reta final da campanha eleitoral, pesquisas mostram que Dilma Rouseff (PT) cresceu entre o eleitorado feminino. Dilma tem afirmado que o combate à violência contra a mulher será prioridade em seu governo através do programa Casa da mulher brasileira, caso seja (...)

13 motivos para não votar no mal menor

26 Oct 2014 | Você vai votar no mal menor? Veja esse vídeo antes de decidir.

Atilio Borón e a miséria do "voto útil" em Dilma

25 Oct 2014 | Polêmica com o artigo em que o intelectual argentino Atilio Brón defende o voto útil em Dilma como "mal menor" frente ao PSDB.

Conversa entre o voto Dilma e o voto nulo

25 Oct 2014 | Um diálogo entre um trabalhador que cogita votar em Dilma como "mal menor" e outro trabalhador que defende o voto nulo para preparar as batalhas que teremos pela frente e apostar na organização independente da classe (...)

Veja, liberdade de imprensa e os interesses da classe trabalhadora

25 Oct 2014 | A menos de 48h das eleições, o país foi sacudido por uma nova denúncia do escândalo de corrupção da Petrobrás. Segundo a Veja tanto Dilma como Lula sabiam dos esquemas de corrupção, segundo um informante da revista na delação premiada (em segredo de justiça) do doleiro (...)

DEBATE NA TV GLOBO

A polarização midiática ente PT e PSDB e o que nos espera ano que vem

25 Oct 2014 | No teatro montado pela Rede Globo, os problemas mais sentidos pela população, como educação, saúde, moradia, emprego, saneamento básico e abastecimento de água são respondidos com declarações genéricas. As acusações recíprocas de corrupção apenas revela a lama em que estão (...)

O que faltou para a esquerda nas eleições?

23 Oct 2014 | O resultado para a esquerda partidária após o fim do primeiro turno das eleições 2014 não foi muito significativo - algo que poucos imaginariam um ano atrás, com a expressão massiva da falta de representatividade que marcou os protestos de (...)

"França", do metrô: “Nem Aécio nem Dilma podem responder a crise dos transportesâ€

23 Oct 2014 | “Devemos retomar as manifestações de junho, elas conseguiram derrubar o aumento das tarifas nos principais Estados e mostraram que nem PT nem PSDB, nem Aécio nem Dilma, podem oferecer uma resposta à crise dos transportes, que atacam os trabalhadores e destina à população e à(...)

Danilo Magrão, professor da rede pública, comenta as propostas para educação de Dilma e Aécio

22 Oct 2014 | Quem realmente se importa com a educação pública brasileira se surpreendeu com o debate eleitoral dos últimos dias. PT e PSDB parecem ter descoberto a fórmula mágica para a assustadora condição educacional brasileira, após anos de descaso e (...)

VOTO NULO

19 motivos para não votar no mal menor

21 Oct 2014 | Quanto mais votos tiver qualquer um dos dois candidatos eleitos, mais legitimidade terá para implementar medidas o novo governo. Quanto menos votos tiver o novo presidente, mais frágil estará para defender os interesses dos patrões, e em melhores condições estaremos para (...)

Mais publicações: 0 | 25 | 50