Gênero e Sexualidade

GRUPO DE MULHERES PÃO E ROSAS ABC!

Atividade 8 de Março na Cia do Nó

11 Mar 2014   |   comentários

  • Maíra Viscaya, professora precarizada de Santo André

No último domingo, dia 09 de março a Professora Maíra Viscaya de Santo André, participou do 3º Sarau da Cia. Do Nó sobre a questão da mulher. Foram apresentadas várias esquetes teatrais que abordavam a questão da mulher, músicas cantadas por vozes brasileiras e femininas, leitura de textos sobre o dia 8 de março e sua importância histórica e a luta das mulheres ao longo dos anos. No bate papo com Maíra, a professora da EE Dr. Celso Gama, abriu a discussão colocando sobre a vitória dos garis do Rio de Janeiro que mostram que é possível vencer e que a unidade das mulheres e dos homens trabalhadores é fundamental para conquistar as demandas do conjunto dos explorados e oprimidos de nosso país. Além disso, o bate papo expressou que a precarização tem rosto de mulher, que estão nos postos de trabalho mais mal pagos e com menos direitos do que os trabalhadores homens.

JPEG - 52.5 KB
Maíra Viscaya, professora precarizada de Santo André

A questão da mulher foi abordada a partir da reflexão de que nosso país, mesmo sendo governado por uma mulher, apresenta índices altíssimos de mortes por aborto clandestino, de violência física e psicológica contra as mulheres e de um número absurdo de feminicídios. Assim, a conclusão que tiramos é de que não podemos confiar que nossas demandas serão atendidas através da ilusão na democracia burguesa e em um governo que ao contrário de defender as mulheres acaba de pagar a primeira “bolsa estupro†concedida a uma menina carioca que engravidou fruto de um estupro feito pelo seu próprio pai. Ao final o debate ressaltou que o Brasil mudou depois das grandes jornadas de junho, que mostraram que somente a mobilização da juventude aliada aos trabalhadores pode arrancar vitórias e que o processo dos garis deve ser exemplo para todas as mulheres que despertam para a luta. Maíra fez um chamado para que todas e todos que estavam na atividade conheçam o grupo de mulheres Pão e Rosas e saiam a luta por suas demandas.

JPEG - 46.2 KB
JPEG - 48.1 KB
JPEG - 48.5 KB

Artigos relacionados: ABC Paulista , Gênero e Sexualidade









  • Não há comentários para este artigo